Facebook RSS Twitter
Seja bem-vindo! Hoje é Terça-feira, 13 de Novembro de 2018.
RELEASES

Custos dos condomínios da capital começam a se estabilizar e inadimplência também é me

IPEVECON da AABIC aponta sensível redução em relação a janeiro, conforme  já esperado no primeiro bimestre
 
A Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios de São Paulo (AABIC) divulga mensalmente o IPEVECON - Índice Periódico de Variação de Custos Condominiais e o IPEMIC – Índice Periódico de Mora e Inadimplência Condominial, além de índices relacionados à locação.
 
Um dos destaques do último levantamento é o IPEVECON de fevereiro de 2013, que aponta queda de -3,52%, uma sensível redução em relação a janeiro, conforme  já esperado no primeiro bimestre, em continuação ao comportamento observado no mês anterior, quando o índice já havia registrado redução de -8,57%, acumulou a variação de 2,72% nos últimos doze meses, em comparação ao aumento de 8,28% do índice de preços comparativo, IGPM.
 
O diretor de condomínios da AABIC, Omar Anaute, ressalta que no início do ano, é natural que os custos sofram uma redução percentual significativa, em razão do ônus do 13º salário nas despesas com pessoal, encargos sociais e gratificações no final do ano anterior.
 
As despesas com Pessoal (-2,11%) mantiveram o viés de queda que, em intensidade ainda maior, foi observada na variação das despesas de consumo de Energia (-2,42%) e Água (-7,10%) em função do período de férias de verão, e por diversos outros grupos de despesa, como Manutenção (-8,53%), Administrativas (-11,61%) e Eventuais (-6,97%), influenciando de forma direta o resultado final do IPEVECON.
 
“A partir de março, deverá se iniciar um período de maior estabilidade para os custos de condomínio, não havendo previsão de despesas extras, o que deverá contribuir para a manutenção dos valores condominiais em patamar próximo aos valores atuais”, informa Omar.
 
 Já o IPEMIC – Índice Periódico de Mora e Inadimplência Condominial, de Fevereiro de 2013, registrou índice de mora no pagamento de cotas condominiais (atraso ate o 30º dia) de 6,87% que, em comparação ao mesmo período do ano anterior (7,03%), representou queda de -0,16%, em pontos percentuais.
 
O valor relativo à inadimplência do mês, com base em dezembro de 2012 (não pagamento do 31º ao 90º dia após o vencimento) atingiu 2,86%, refletindo queda de -0,42% em pontos percentuais, em relação a dezembro de 2011 (3,15%).

Pense antes do BOM DIA GRUPO
Filosofando sobre a conduta no "Whats"   [...]
Jornalista da Predicado colabora em reportagem da revista Gestão & Negócios
A jornalista Carolina Fagnani, diretora executiva da Predicado Comunicação Empresarial foi conv [...]

55 11 4930-2006
predicado@predicadobrasil.com.br

Avenida Imperatriz Leopoldina, 263
Sala 14 - Nova Petrópolis
CEP 09770-271
S. Bernardo do Campo – SP

Atendimento: segunda a sexta-feira,
das 9h as 18h

Predicado © 2013, Todos os direitos reservados.  | Política de Privacidade | Direitos Autorais | Fale Conosco